400 anos de são pedro da aldeia

É Tempo de Viver Bem

Alunos da rede municipal aldeense participam do evento “Guarda Responsável e Bem Estar Animal”

Por Marianne Rodrigues em 14/03/2017
Imagem da Notícia: A Prefeitura de São Pedro da Aldeia, realizou nesta terça-feira (14), o evento “Guarda Responsável e Bem Estar Animal”, no Horto Escola Artesanal para os alunos das Escolas Municipais Antônio Vaz da Silva, Pequiá e Rubem Arruda Câmara. Estiveram presentes os secretários de Agricultura, Abastecimento, Trabalho e Renda, Dimas Tadeu, e de Educação, Walzi Conceição, o subsecretário de Ambiente, Lagoa, Pesca e Saneamento, Luciano Pinto, a diretora de Cultura, Norma Almo, e o diretor sustentável do Horto Escola Artesanal, Jomar Jotha.

A Prefeitura de São Pedro da Aldeia, realizou nesta terça-feira (14), o evento “Guarda Responsável e Bem Estar Animal”, no Horto Escola Artesanal para os alunos das Escolas Municipais Antônio Vaz da Silva, Pequiá e Rubem Arruda Câmara. Estiveram presentes os secretários de Agricultura, Abastecimento, Trabalho e Renda, Dimas Tadeu, e de Educação, Walzi Conceição, o subsecretário de Ambiente, Lagoa, Pesca e Saneamento, Luciano Pinto, a diretora de Cultura, Norma Almo, e o diretor sustentável do Horto Escola Artesanal, Jomar Jotha.


 

O encontro contou com ciclo de palestras, atividades artesanais lúdicas e oficinas voltadas ao tema para os alunos da rede municipal de ensino. Uma das palestras, ministrada pela veterinária Letícia, teve o tema “Como se aproximar de um cão” e contou com a presença da cachorra Valentina, que encantou os estudantes.


 

De acordo com o secretário de Agricultura, Abastecimento, Trabalho e Renda, Dimas Tadeu, o evento foi a abertura do projeto, que deve ser estendido para toda rede pública de ensino. “Precisamos trabalhar os jovens para conscientizá-los dos cuidados que devemos ter com o animal, em tratá-los bem e demonstrar que ter um bichinho é ter um amigo e que cada um deles tem suas peculiaridades”, comentou.

 

Os alunos das escolas presentes produziram bolsinhas e chaveiros com temática de cachorro durante as oficinas ministradas e distribuíram para todos que estiveram no evento, com o intuito de incentivar a ideia de que o animal não foi feito para ser abandonado e sim bem cuidado.


 

Para Kemily Duarte, de 10 anos, aluna da Escola Municipalizada Pequiá, o evento foi muito interessante. “Aprendi que não se deve gritar, bater e nem maltratar um animal, sendo ele cachorro, gato, cavalo ou de qualquer outra espécie”, falou.

 

O diretor sustentável do Horto Escola Artesanal, Jomar Jotha afirma que o projeto é de saúde pública para o bem estar dos animais. “Temos que fazer um trabalho de conscientização de que um animal é um ser, ele dá gastos e precisa ser bem tratado”, afirmou.


 

A iniciativa aconteceu em celebração ao Dia Nacional dos Animais, comemorado no Brasil em 14 de março. A ação foi uma parceria das Secretarias de Agricultura, Abastecimento, Trabalho e Renda, de Ambiente, Lagoa, Pesca e Saneamento e de Educação.